Daniela Silva

Daniela Silva

Abril 3, 2019 1 Por Francisco Ramalheira
Partilhai e espalhai a mensagem gambuziana

Foi com prazer que o Caca entrevistou a Daniela Silva, a humorista que é a autora do blogue “Pelo na Venta” (ide ler rapidamente, meu povo) e que recentemente se atirou de cabeça no mundo do Stand Up.

Se a começarem a seguir de imediato poderão um dia armar-se em hipsters e quando a Daniela encher o Altice Arena ou o Sá da Bandeira com o seu espetáculo de Stand Up (que é o sonho desta nossa amiga) podem afirmar com semblante pomposo “Ah eu já a conheço desde os tempos do Pelo na Venta”, acrescentando depois enquanto suspiram com um semblante altivo “e gostava mais dela nessa altura. Agora está mais comercial”. Se apreciam a arte do snobismo não percam essa oportunidade.

Mas quem é esta nova cara do humor em Portugal? Como a grande maioria dos jovens, a Daniela não fazia a mais pequena ideia qual a profissão que quereria abraçar na idade adulta. Por isso, depois de concluir uma prazerosa licenciatura em Educação, que apenas serviu para ter a certeza de que não queria ser professora, a nossa amiga resolveu aplicar o canudo que tanto trabalho lhe dera obter. Por isso foi trabalhar para um ginásio para ser instrutora de algo parecido com Zumba. Ela disse-me que era Sh’bam mas eu sou um humilde labrego, pelo que chamo Zumba para facilitar. E, no fundo, são aulas à mesma. Simplesmente em vez de se ensinar crianças puras e inocentes a ler ensina-se septuagenárias a abanar a bunda com glamour. Também é importante.

Finalizada a aventura no mundo das danças, foi para o Reino Unido fazer voluntariado. Gostou. Foi giro e tal. Mas acabou por regressar um pouco mais cedo do que o previsto para abraçar um projeto na área do Marketing Digital.

Ao longo desta coerente e pouco variada carreira, houve sempre tempo e espaço para aprimorar o gosto pela escrita, pelo que, numa época em que a Daniela estava chateada com a vida e queria dizer mal de tudo criou um blogue, como forma de catarse, no qual escrevia o que muito bem lhe apetecia, embora a tendência fosse sempre direcionar os textos para a vertente do humor.

E foi assim que nasceu o Pelo na Venta, um blogue de textos humorísticos, que tem como tema principal a descrição peculiar que a Daniela faz das novas experiências que vivencia no seu dia-a-dia, devidamente acompanhada por diversos memes, essas imagens humorísticas que há uns anos invadiram a Internet e se transformaram num ícone da cultura pop. Em baixo podem ficar com o exemplo de alguns dos artigos, para poderem ficar a conhecer melhor este frondoso Pelo:

Podem contar que todos os meses tem um Pelo novo para degustarem neste blogue, por isso estejam atentos!

Foi exatamente esta queda pela comicidade que a levou a aceitar o repto do grupo de Stand Up “Q’irritantes”, atirando-se de cabeça para este mundo, começando assim oficialmente a sua escrita de textos cómicos para interpretar num espetáculo de Stand Up.

E parece que correu bem. O público gostou e a Daniela foi infetada com o vírus do Stand Up, que a levou a fazer um curso especializado desta arte na Bang.

Nos últimos meses a Daniela participou nas celebres Batalhas de Piadas Secas, que tem feito furor no Youtube e atuou num concurso de talentos para um público com mais de 500 pessoas, ganhando-o como comediante de stand up. E é este último que ela quer continuar a fazer, pelo que tem total abertura para participar em open mics, podendo estar para breve o aparecimento nas salas de Stand Up de Lisboa.

Quanto ao Stand Up, a vontade é dar continuidade às atuações. E numa época em que o Stand Up apresenta um vigor nunca antes visto no nosso país, com inúmeros humoristas (muitos deles da chamada “nova geração”) a conseguirem esgotar consequentemente salas de espetáculos por todo o país, está definitivamente na altura de quem quer fazer carreira neste complicado ofício se atirar de cabeça. Bora Daniela!

Para o futuro, a nossa amiga quer continuar a apostar no seu blogue e na escrita, tendo confidenciado que gostaria de ser colunista. De preferência numa publicação que pague bastante bem. Ainda na área do humor, outro projeto que está no horizonte da menina do Pelo é participar uma série de sketches (estilo Gato Fedorento, Falta de Chá ou Porta dos Fundos), assumindo que seria um grande desafio, quer na área da escrita, quer da representação. Se houver uma terceira temporada da Falta de Chá, o xotor Guilherme Duarte e o Exmo. Ricardo Cardoso quiserem a companhia de uma senhora dotada para a arte de fazer rir, é contactar.

Em jeito de conclusão, devo dizer que a Daniela veio reforçar a minha convicção de que “a malta da comédia é tudo gente tremendamente simpática e boa onda”. A menina com Pelo na Venta apresenta um sentido de humor bastante apurado, não posso deixar de recomendar vivamente que conheçam o seu trabalho, dirigindo-se imediatamente aos links abaixo e colocando-os nos vossos favoritos. Para quem gosta de dar uma leitura a uns textos humorísticos para soltar umas gargalhadas apos um dia mais chato no vosso entediante trabalho na repartição de finanças, acreditem que tem aqui um petisco: